Duas dúvidas

22/04/2009

I.

Almoço rápido, minha filha e eu, no Arábia Café.

Duas porções (pequenas) de quibe cru, uma de charutinho (doze unidades pequenas).

Um suco para cada um.

Quase suficiente para um almoço.

Tudo correto, mas sem maiores atrativos.

Conta acima de 80 reais.

Por quê?

II.

Soube que a Häagen Dazs da Vilaboim vai fechar.

Movimento pequeno, parece, é o motivo. Sobretudo durante a semana.

O sorvete não é tão bom quanto os da Douce France e da Sódoces, mas é bem feito.

A marca, internacional, é conhecida e respeitada.

Nem imagino o que seja um aluguel por ali.

E lembro que a Vilaboim já hospedou a deliciosa Canova, uns quinze anos atrás e de breve existência.

Concluo que a praça não funciona para sorveterias.

Por quê?

22 Respostas to “Duas dúvidas”

  1. Ricardo Reno Says:

    Olá Comilão, tudo bem?

    Vou dar meu palpite.

    No caso do Arábia acho que criou fama e ficou por isto mesmo as vezes até demoram para perceber que certas coisas e padrões de comportamento mudaram. Mas como a casa continua cheia, para que mudar?

    Na praça Vilaboin o que estraga é o problema de estacionar o carro e os lugares em geral serem pequenos. Desisti várias vezes de ir a Barcelona por este motivo. Sugiro que a Haagen Dazs abra uma loja no café da Pinacoteca que tem um jardim muito mais aprazível ou na fundação Oscar Americano.

    Abraços

  2. alhos Says:

    Ricardo,
    tudo bem?

    Concordo que o Arábia não é mais o mesmo. E talvez seja esse mesmo o raciocínio: enquanto houver público farto, tocamos o barco.

    A Vilaboim tem esses problemas mesmo, além do preço provavelmente astronômico do aluguel. Algumas casas duram pouquíssimo. No ano passado, abriu um Vanilla Café. Nem tive tempo de experimentar: fechou rapidamente. Por outro lado, tem um público de altíssimo poder aquisitivo, várias escolas e uma faculdade por perto, a proximidade com diversos restaurantes e lanchonetes. Enfim…
    Abraços!

  3. Julinho Says:

    Comilão e Ricardo,
    Tudo bem?
    Semana retrasada fui ao Árabia da Vilaboim e toda a comida servida estava de regular pra baixo. Infelizmente.
    Me revolta a preguiça e o comodismo de restaurantes que vão muito bem e acabam não se importando com o cliente, cobrando muito caro por um produto nem sempre bom. Já que lota mesmo… toca o barco! – Assim pensam os proprietários.
    Meu árabe preferido em Sampa é o Tenda do Nilo.
    Abraços!

  4. alhos Says:

    Julinho,
    de fato, o Arábia decaiu. Continua melhor que a maioria dos árabes, mas decaiu.
    Também gosto da comida do Tenda do Nilo. O horário e o espaço muito restritos, porém, impedem que se possa ir mais vezes lá.
    Abraços!

  5. Daniela Says:

    Comilão, assino embaixo dos comentários do Ricardo e do Julinho. Sempre gostei do Arábia, mas ele realmente decaiu. Em frente ao escritório tem um (Iguatemi). É proibitivo um almoço tão frugal custar 80 reais. Meu arábe favorito é o Tenda seguido de perto pelo Halim.
    Aliás, hoje quase caí da cadeira quando li na Folha que o picadinho do Antiquarius custa R$93,00.
    Abs,
    Daniela Fonseca.
    P.S. minha filha também está na Casa do Teatro, é o primeiro ano dela lá.

  6. alhos Says:

    Daniela,
    alguns restaurantes exageram.
    Já o Antiquarius é um caso peculiar, pelo menos para mim. Não tenho dúvida da qualidade do trabalho deles, mas creio que dei azar nas diversas visitas que fiz, pois nunca saí de lá satisfeito.
    Abraços!

  7. Carola Says:

    Alhos,
    Vc conhece o restaurante Saj, na rua Girassol?
    Um restaurante Libanes muito bom e honesto!
    O ambiente tem varios detalhes, ao começar pelo Saj, nome da chapa onde o pão-folha é assado na hora, uma delicia!
    Segue o link que tem os preços.
    http://www.sajrestaurante.com.br
    Fica a dica para o seu proximo almoço arabe ou libanes !

  8. alhos Says:

    Carola,
    tudo bem?
    Ainda não fui lá.
    Li a crítica do Arnaldo Lorençato, na Veja SP, e fiquei curioso. Dias depois, por coincidência, passei defronte à casa.
    Bom saber que está indo bem. Preciso ir…
    Abraços!

  9. Joaquim Says:

    Quando vou a S.Paulo sempre me hospedo na Alameda Lorena ou na Consolação e por isso vou sempre ao Arábia e ao Antiquarius .Sobre o primeiro ,comi bem algumas vezes ,outras eu achei que a comida parecia de reformatório ,tipo carregação.No Antiquarius ,comi bem sempre ,mas o couvert é uma m… que te empurram goela abaixo e há alguma coisas inaceitáveis como a tentativa de falsificação do queijo da serra ,te vendem um queijo de ovelha de um morro qualquer ,como se fosse o legítimo queijo da serra.Além do mais ,o preço é incomprenssível ,picadinho com o preço anunciado é um assalto .E mais ,é uma cozinha que não se moderniza ,é de uma mesmice irritante.

  10. alhos Says:

    Joaquim,
    tudo bem?
    Essa irregularidade do Arábia (na comida, no serviço e na ocasional falta de alguns pratos ou doces) é um dos sintomas da decaída que a casa deu. Tomara supere logo.
    O Antiquarius, para mim, é um mistério. Não tenho dúvida de sua qualidade, mas é uma daquelas casas em que, talvez por azar, nunca me dei bem. E a falta de modernização da cozinha talvez seja uma marca dos restaurantes portugueses de São Paulo. O Luiz Américo publicou, no blog dele, um texto interessante sobre o tema: http://blog.estadao.com.br/blog/luizamerico/?title=quem_sera_o_nao_antiquarius&more=1&c=1&tb=1&pb=1
    Abraços!

  11. Julinho Says:

    Comilão e Joaquim,
    Fui ao Antiquarius uma vez apenas, aqui em São Paulo, e a experiência foi a pior possível, do couvert à sobremesa. E o preço cobrado foi estratosférico, caríssimo, desonesto.
    Não voltarei e nem conhecerei o do Rio.
    Nem em um milhão de anos.
    Abraços!

  12. alhos Says:

    Julinho,
    lembro-me de seu comentário sobre o Antiquarius. Aliás, foi a primeira vez que li seu blog, por indicação de um amigo.
    Embora não seja fã de nenhum dos dois, gosto mais do Antiquarius do Rio.
    Abraços!

  13. Julinho Says:

    Já me falaram que o do Rio é melhor.
    Mas não pagarei pra ver.
    Abraço!

  14. Carola Says:

    Alhos,

    Já fui algumas vezes no Antiquarius, nunca me impressionou…a unica coisa que me impressiona é o valor dos pratos no cardápio!
    No Rio nunca fui, mas nao faço questão de pagar tanto no incerto, prefiro ir na Roberta Sudbrack que é mais certo!

  15. alhos Says:

    Carola,
    os preços do Antiquarius de fato são incríveis. O do Rio tem uma vantagem já de saída: o mar do Leblon. E dá para sair de lá e tomar um café com uma laranjinha glaceada lá de perto, que é incomparável (a laranjinha).
    Nunca fui ao restaurante da Roberta Sudbrack. Tenho muita vontade de conhecê-lo. O problema, na verdade, é que deve fazer quase dois anos que não vou ao Rio – isso é o mais grave.
    Abraços!

  16. Nina Says:

    No Arábia, as folhas de salsinha são lavadas uma a uma.
    Quanto a Häagen Dazs, pode ser que o preço do aluguel tenha ficado mais alto que o valor dos espessantes e emulsificantes importados. Ah, tem também a essências e corantes.

    abs

  17. alhos Says:

    Nina,
    tudo bem?

    Não tenho dúvida quanto aos cuidados do Arábia no preparo. Meu comentário foi quanto ao preço, exagerado, e à queda de qualidade da comida. Faltou mencionar o serviço, que no Arábia Café da Vilaboim é, no mínimo, desatento. A queixa vem exatamente pelo passado da casa e por esse rigor que você menciona.

    E claro: o Häagen Dazs é um sorvete industrializado, com todos os artifícios que menciona. Mas é superior, por exemplo, à péssima Cremeria Nestlé, que está lá, firme, na imediação da Vilaboim.

    Nos dois casos, uma pena.

    Abraços,
    Júlio

  18. Fernanda Says:

    acabei de ver que um picadinho no antiquarius´custa R$93 reais!!!Porque? Porque? Não tem explicação!

  19. Nina Says:

    Desculpe. Quis ser irônica quanto à salsa. Concordo com o seu ponto de vista.
    Acho que rola muito a história do “ponto micado”.

    abs

  20. alhos Says:

    Fernanda
    O mais impressionante é que é uma espécie de “almoço executivo”, a baixo custo…
    Beijos!

    Nina
    Eu é que lhe devo desculpas por não percebido a ironia. Achei que você soubesse mesmo que há um cuidado especial, etc.. Enfim…
    Beijos!

  21. carola Says:

    Alhos e Fernanda,

    Sera que o Antiquarius vende picadinho de Kobe beef e ninguem ta sabendo???hehe

  22. alhos Says:

    Deve ser, Carola…
    Abraços!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: