Così Così

31/05/2009

 

A amiga e leitora Carola me enviou um comentário sobre o Così.

O que ela conta coincide com vários relatos que tenho ouvido sobre o restaurante novo de Renato Carioni.

Por isso, resolvi publicá-lo aqui (e agradeço, de saída, à Carola):

“Fomos ontem ao Così; diga-se de passagem… bem Così  così !!!

Como estávamos em 2 e não tínhamos reservado a mesa do chef (4 a 6 pessoas) não podíamos pedir o menu degustação!

Resolvemos fazer a nossa degustação.

Pedimos uma taça de espumante para começar a olhar o menu (só tem espumante Casa Valduga).

De antipasto, pedimos o ovo mollet (com lentilhas, molho cremoso e foie gras). Estava bem feitinho e saboroso, um prato bem de inverno, com bastante pancetta.

O primo piatto foi uma decepção. Pedimos a lasagna de pato com cogumelos e abóbora. O pato parecia carne louca e o cogumelo estava sem sabor; acho que  a abóbora passou correndo, pois não a vi nem senti, mas a massa estava no ponto.

Como secondo, fomos de paleta de cordeiro com caneloni de pimentão recheado de cuscuz marroquino. A paleta estava extremamente macia, mas o acompanhamento não agradou: o pimentão atrapalhou o vinho que levamos (um Barbaresco – R$ 30 a rolha) e não gosto de cuscuz doce (com damasco, uvas passas etc.).

Devíamos ter pulado a sobremesa, pois não deu para comer o cheesecake de doce de leite. A massa parecia biscoito Maria com bastante manteiga; o recheio eu não sei o que era, mas definitivamente não nos agradou. Raspamos o doce de leite da cobertura e só!

Conta R$ 180 o casal – custo beneficio bem Ok para São Paulo.

O restaurante é bem bonito, adorei ficar vendo a cozinha e, no andar de cima, um cara fazendo a massa a noite inteira!

No final das contas, acho que o Chef Renato vai se dar bem lá, já que o bairro ao lado (Higienópolis) tem alto poder aquisitivo e carência de restaurante italiano!

Serviço meio confuso, mas gentil.”

22 Respostas to “Così Così”

  1. paolanp27 Says:

    Minha experiência no Cosi tb não foi mto boa, além de ter achado o atendimento ruim tb.

  2. fernanda Says:

    não me pareceu bom o custo-benefício….

  3. alhos Says:

    Paola
    Pois é, lembro de seu comentário aqui no blog. Uma pena. Mas acho que dá para acreditarmos que o Così é uma boa opção. Aguardemos para ver se os erros são corrigidos.
    Abraços!

    Fernanda
    Repito para você o que escrevi acima. Fui duas vezes ao Così e não fiz grandes refeições, nem saí insatisfeito. Nos dois casos, a relação custo-benefício foi boa. Por isso, ainda dou crédito. Mas estão crescendo os relatos de insatisfação. Tomara sejam corrigidos.
    Beijos!

  4. Ricardo Reno Says:

    Olá Comilão, tudo bem?

    Na segunda vez que você voltou ao Cosí e fez seu relato achei que era um pouco de exagero de sua parte e expressei aqui. Voltei novamente e achei a quantidade de comida pequena e o mollet não veio no ponto certo. Quanto as sobremesas, para o meu gosto, elas nunca me entusiasmaram. Existem restaurantes que conseguem manter um padrão e outros oscilam demais. Fui ao Tappo semana passada. Uma entrada, vinho da casa, uma ótima lasgana a bolognesa e penne a carbonara. A massa estava no ponto mas a panceta foi difícil de achar. O tamanho dos pratos também não entusiasmaram. Conta R$ 160,00 achei caro. Já havia ido uma primeira vez e sido bem feliz inclusive na conta. Pelos posts que leio aqui e em outros blogs parece que a única coisa que tem sido constante em certos lugares é o acaso.

    Abraços

  5. Ricardo Oliveira Says:

    Comilão, o comentario da leitora Carola está confuso.Primeiro prato uma decepção:Massa no ponto certo já é um grande acerto, “Pato parecendo carne louca”.Qual o problema se o pato estava com gosto de pato?”Abóbora passou longe”-Tem um gosto sutil precisa estar com paladar afinado para perceber.”O acompanhamento não agradou”- Harmonize direito seu vinho da próxima vez.”Não gosto de Cuscuz doce” – Peça outro acompanhamento.

    O comentário da Carola é pessoal e não técnico, não dá para levar em conta esse tipo de argumentação.

    Abs.

  6. alhos Says:

    Ricardo Reno,
    tudo bem?
    Essas oscilações são de fato muito ruins. Pensei um pouco antes de responder e acho que só há três restaurantes em que nunca comi mal. Dos acessíveis, claro. Ou seja, que para mim nunca oscilaram (ou, então, dei sorte nas minhas visitas).
    Pelo que ouço, o Così anda oscilando bastante. Conforme escrevi à Fernanda e à Paola, o Così ainda tem crédito comigo e continuo apostando que pode melhorar – até pela qualidade que o Carioni mostrou em outras casas. Aguardemos e torçamos.
    Quanto a Tappo: sem dúvida é mais cara do que o Così, mas é superior. Nas sobremesas, nem se fala.
    Abraços!

    Ricardo Oliveira,
    tudo bem?
    Talvez eu esteja errado, mas tendo a achar que seu tom irritado no comentário e a abordagem da Carola têm a mesma base fortemente subjetiva. Ela talvez seja inevitável quando avaliamos o que mexe com nossos sentidos (e não só). Muitas coisas numa refeição (e não só) atravessam circunstâncias que temos dificuldade de controlar.
    Pontualmente, discordo de você em dois pontos. Ponto certo de uma massa pode parecer grande acerto – sobretudo se compararmos com o ponto em que nossos restaurantes muitas vezes servem suas massas -, mas, na verdade, é obrigação. E a associação do pato com carne louca pode não implicar problema no sabor, mas na aparência do prato – o que também deve ser considerado. Confesso que provei esse prato no Così e o pato estava ótimo, mas a aparência, feia. Na ocasião, ao contrário do relatado pela Carola, a massa estava muito mole (resultado provável de uma continuidade da cocção pelo molho, excessivo).
    De qualquer forma, acho bacana a diferença de posições e a possibilidade de expressá-las.
    E queria, conforme lembrou o Ricardo Reno em outro comentário a esse post, que não houvesse tanta oscilação nos nossos restaurantes.
    Porque, no fim das contas, você, Carola, eu: todos torcemos pelo sucesso de restaurantes honestos e com potencial – e o Così é um caso desses.
    Abraços!

  7. Carola Says:

    Olá Ricardo Oliveira,
    Concordo que não sou “expert” em gastronomia, porem meu marido é italiano e cresceu comendo massas e carnes de caça, o meu relato foi baseado na nossa opinião.
    O pato que mencionei que parecia carne louca, me referi ao gosto de lagarto e não ao gosto de pato. Quanto a paleta(ótima) com cuscuz doce segundo meu marido estava mais para comida marroquina do que italiana!
    Mas é apenas a nossa opinião!

  8. alhos Says:

    Carola
    Opiniões são sempre necessárias.
    Obrigado por enviar a sua.
    Beijos!

  9. Ricardo Oliveira Says:

    Olá Carola, tudo bem?

    Desculpe se meu comentário pareceu “irritado”.O que chateia é publicarem uma “crítica” com pouco fundamento, mesmo que bem conduzida pelo comilão.Na caixa de comentários, cada um que opine como desejar.
    Carola, vá ao restaurante Tête à Tête, na Rua:Bahia, acho que gostará bastante!!!

    Abs.

  10. paolanp27 Says:

    Na minha modesta opinião, opiniões não técnicas são super bem-vindas, já que representam a da maior parte do público em geral.

    Além disso, acredito que os profissionais bem preparados sabem lidar com críticas construtivas, e ignorá-las seria demonstrar uma total falta de feeling e de marketing, inaceitáveis nos dias de hoje.

  11. alhos Says:

    Ricardo & Paola
    Felizmente pensamos e temos gostos diferentes.
    Felizmente aceitamos as opiniões alheias.
    Felizmente, mesmo num país como o Brasil, podemos conhecer tantos restaurantes bacanas.
    Abraços!

  12. Ricardo Reno Says:

    Ricardo Oliveira, tudo bem?

    O Tête a Tête é bom, fui lá algumas vezes.O chef Gabriel Mateuzzi faz comida com personalidade. Mas acho que falta alma e aconchego ao lugar , não sinto-me a vontade lá e isto acaba influenciando um pouco no resultado. De qualquer forma é uma ótima indicação.

    Abraços

  13. alhos Says:

    Ricardo Reno,
    tudo bem?
    Concordo e concordo.
    Acho o Tête à Tête bom, mas nunca me empolgou. Ainda não tenho uma opinião clara sobre ele.
    Abraços!

  14. Ricardo Oliveira Says:

    Ricardo Reno,

    Acho o ambiente “frio” e concordo que tem influência no resultado da refeição,mas gosto muito da comida que fazem lá, pricipalmente os peixes. Falando de sobremesas e sorvetes (feitos na casa), ainda não provei melhores em São Paulo com exceção do Tiramissú do Fasano, comparando com a mesma sobremesa que comi no Tête à Tête.

    Abs.

  15. alhos Says:

    Ricardo: preciso voltar lá, então.
    Abraços!

  16. Carola Says:

    Ricardo Oliveira,

    Já fui no Tête à Tête varias vezes e adorei, gosto muito do trabalho do chef Gabriel e da mae dele, Pilar.
    Ele sempre apareceu na mesa para saber se estava tudo bem, o que eu admiro essa atitude que parece cada vez mais rara nos restaurantes!
    Já cruzei com ele tb na rua Paula Souza comprando produtos para o restaurante e elogiei bastante a cozinha dele!
    Att
    Carola


  17. Alhos, fui ao Cosí no final de semana , estava muito bom, bom mesmo… o Carioni , não tem milhoes para investir, esta com uma equipe ainda em formação e já faz um belo trabalho!

  18. alhos Says:

    Raphael
    Obrigado pela boa notícia.
    Acho que todos torcemos muito pelo Così.
    Vida longa a ele.
    Abraços!

  19. vanessa testai Says:

    Eu também comi a tal da “lasagna de pato”, ao contrario da Carola achei o molho de cogumelos divIno… bem acentuado, a massa leve e no ponto e o recheio de pato com abobora estava muito bom, como tinha que ser … gosto de pato e de abobora ué…muito bom, tanto é que estava escrevendo no twitter sobre a delicia que foi comer la no Cosi entao pesquisei no google sobre o Renato e acabei achando esse site…
    Resumindo… a lasagna, o robalo, os antipastos servidos e o vinho sugerido …. wonderful !!! (opiniao de uma analista de sistemas que ama comer !)
    PARABENS RENATO !

  20. alhos Says:

    Vanessa,
    obrigado por seu comentário. E pela notícia da visita.
    Fui ao Così três semanas atrás e a lasanha de pato estava muito boa mesmo.
    No total, fui cinco vezes até hoje; em quatro delas comi a lasanha: duas ótimas, uma razoável e uma com problemas (que coincidiu cronologicamente com a do relato da Carola).
    Carioni é um chefe muito talentoso e dedicado e creio que o Così está chegando àquela regularidade que os restaurantes demoram um pouco para atingir. O que é uma ótima notícia.
    Abraços!

  21. alhos Says:

    Obrigado pela dica, Beth.
    Vou dar uma olhada.
    Abraços!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: